sábado, 10 de setembro de 2011

Bola na trave não altera o placar

Meio dia é o horário que eu estou em casa e é minha folga para o almoço. Abro a tv e esta lá o Tiago Leifert. Eu gosto dele, acho ele engraçado com um jeitinho carismático e as tiradas legais. Mas na maior parte do tempo eu não entendo nada de futebol e não estou nem ai para isso. Não dou a mínima pros times e a posição nos campeonatos. Rio mais é da bobagem que esta inserida nesse mundo, como uma cambada de gente pode levar a sério um negócio que é um entreterimento.

Acho mesmo que ser torcedor roxo é coisa de gente besta. Pra ser contraditória, eu acho bonitinho torcer pra algum time, ou aqueles meninos que tem camisa e torcem pro time. É gostosinho a idéia de sentar na frente da tv com alguns amigos, ir pro barzinho ou até mesmo seria legal a experiência de ir no estádio. Mas é tosco demais pessoas que vão em TODOS os jogos, mesmo que estejam do outro lado do mundo, discutem raivosamente, brigam (?), compram todos os produtos do time (??), fazem tatuagem com o símbolo (???). Céus, pára com isso!

Agora vou dizer o que eu acho. Eu torço pro corinthians por livre e espontânea herança familiar. Quando era pequena me perguntaram que time eu torcia. Eu não entendi nada da pergunta, porque eu nao sabia o que era o tal do time. Como aluna aplicada, anotei a questão e fui em casa perguntar para a minha única fonte de pesquisa da época: Meu pai. Lá vai eu, uma mini Mafalda e falo: Pai, que time eu torço? Ele me fala, Corinthians. E la vai eu falar a resposta no outro dia e sou zoada. Depois eu descobri que o Corinthians era amado e odiado, mas não ligava muito. Só sabia que dava sorte ficar balançando as mãos na frente da tv quando estava jogando. Depois deu um tempo e não funcionou mais, lá depois do campeonato Mundial. Ai desencanei e acabou minha vida de torcedora ativa de futebol.

De todas as piadinhas que eu vejo no Facebook que são repetidas vou te dizer a que eu acho: O Corinthians é que nem o São Paulo ou o Palmeiras. Tem 11 jogadores no campo, mais um técnico e mais uns outros serviçais. Eles jogam atras de uma bola e o objetivo é enfiar a bola no gol. Antes que todo mundo comece a discutir, ja vou adiantando: A TORCIDA NÃO FAZ O JOGO. Não adianta você discutir infinitamente e zoar o outro time. Nada vai mudar, só os jogadores e vai por mim, eles estão pouco cagando pra torcida. Eles só tão ali pra ganhar o rico dinheirinho deles e não vão chorar nem um pouco se algum de vocês, torcedores, se matarem por causa do time.

Você, gordinho do sofá, que bebe cinco cervejas, come até explodir as veias com tanta gordura e faz sua pressao subir por estresse em ver seu time jogar mal, te desejo um AVC ou um Infarto. Assim, quem sabe aprende que deveria ter o habito saudável de praticar exercícios e quem sabe jogar bem um futebol nos finais de semana. Deixa eu te falar, enquanto você ta reclamando o Neymar tá la, rindo da sua cara porque você da ibope pra conta bancária dele. Enquanto você ta comprando a camiseta do São Paulo, o Rogério Ceni ta planejando as férias na Europa dele e o Habibs agradece pela propaganda gratuita que você faz.

P.S.: Vocês sabiam que o football ou o "soccer" nos Estados unidos é coisa de maricas?
P.S.²: Do jeito que funciona o Karma... ja pensou se eu tenho um filho jogador de futebol. Pior, ja pensou se ele se tornar juiz de futebol. Credo, bate na madeira.

Um comentário:

Flávia A. disse...

huiahiuhAIUHAIUHaiuhaIUHAiuhaiuhaiuhaiuahiuahiuahiuhaiuhahaiuhaiuahUAIHIAUhIAUHIAHIUA,concordo demás! (mas não fica torcendo um enfarto pra eles,coitados,deixa os pobrezitos!). E fia,TOOOOOOORCE pro seu filho ser jogador-juíz não! Vc vai ficar riiiiiiiica!


=*