segunda-feira, 20 de abril de 2009

Eu não sou inteligente

Mals aê!

Acho tão engraçado aqui na faculdade como tem gente que é inteligente. Até ai tudo bem, estamos num lugar de renome. Mas o que me deixa bege é a quantidade de pessoas que adoram pagar de intelectual. Em situações mais inusitadas se escuta um blablablês em vez de "Por favor, me passa o pão". E o povo que em vez de apertar a campainha recita Alberto Caeiro.

É uma quantidade de gente doida pra fazer umas poses blasês "Ai eu sou culto, eu escuto Chico Buarque". Há uns dias atrás vi um cara (que realmente é inteligente) usando o termo Madame Bovary. Eu perguntei se ele tinha lido e ele me respondeu que sim. Ai eu só fui falando do livro, se era assim e assado. Ele baixou a bola inicial e me perguntou se eu já tinha lido. Eu fui sincera em dizer que não, que só li o resumo. Mas ai eu percebi que ele TAMBÉM não leu o livro, mas falava que lia. Meio "xis".

Das coisas que eu não entendo é como tem um monte de coisa bacana, que seria ótimo de se aplicar na comunidade, o tal de "melhorar o mundo ao nosso redor com atitudes simples" e anda tem aquela coisa de ficar parado na teoria. Há uns dias atrás vi um amigo da filosofia falando sobre Sartre. Eu fui infeliz há uns dias por uma brincadeira que fiz sobre(que nem vem ao caso), mas compreendi por cima o que foi o estudo dele. Poxa, se o cara realmente tem teorias bacanas porque não se expande isso pras pessoas? Pra que transformar em conhecimento só pra alguns, somente um grupinho pode compreender porque só eles são OS bons, únicos em entender.

A minha bronca não é com gente inteligente. Eu queria ter muito mais conhecimento do que minha cachola comporta e respeito quem tem mais. Mas não entendo toda essa pose, sendo intelectual ou apenas um pseudo. Céus, parem de falar difícil e sejam mais claros, isso sim me irrita aos montes.

8 comentários:

L. Archilla disse...

muito bom! penso exatamente da mesma forma. se esses caras suuuuuperinteligentes (q, na verdade, raramente o são), usassem essa suuuuperinteligência pro bem da humanidade, já teríamos alcançado a paz mundial. ah, e gente suuuuuperinteligente tem em todo lugar, principalmente em faculdade pública, conservatório, escola de teatro e oficinas de artes em geral.

L. Archilla disse...

aaaaaaah, e fuja da praça roosevelt, em SP. sério.

Andrea Carolino disse...

Eu acho que as pessoas inteligentes de verdade não são aquelas que t~em toda essa "frescurite" e sim aquelas que vc não está esperando nada e de repente te surpreende com uma atitude, gesto ou palavra.

evao do caminhao disse...

ACREDITE... fique feliz por conviver com pessoas inteligentes!

.:: lullaby ::. disse...

acheeei seu blog super interessante !

vou sempre dar uma passadinha aquiii ;)


Beeeijo
:****

Clarissa(s) disse...

Ai, Jesus... logo vão aparecer os caipiras do interior que vão insistir em falar aquele "erre" metido a besta paulistano. Essa é a piorrrrr.

Priscila M.R. disse...

hey meninas
obrigada pela presença
bjos

Paulinha disse...

Olá garota, não o que meu deu. escrevi no google, "não sou inteligente" e apareceu seu blog. Adoreeeeei o que escreveu. Parabens!!