segunda-feira, 22 de dezembro de 2008

Até que os homens não são tão FDP's assim

Eu ando, e com razão, com muita raiva dos homens héteros. Eu não tô brincando. Eu queria que todos eles, exceto meu pai, fossem pro quinto dos infernos com suas malandragens e falta de bom senso com o sexo feminino. Passei um mal bocado esses dias que se eu vesse o fulaninho eu chutaria a cara dele com meu sapato de salto fino da Arezzo. Por isso que até aluguei aquela série Dexter, alias É A MELHOR do mundo. Você até se apaixona pelo cara e pensa que o relacionamento dele com a Rita é mais perfeito.

Pra desestressar, sai fazer caminhada na marginal. Ai que vi dois negos de bicicleta olhando a parte de trás do out-door, todos cheios de sorriso e apontando. Até pensei "Ai tão vendo alguma mulher de calcinha das propagandas da Femmina". Eles estavam com uma cara de panacas e sorriam que nem bobos. Liguei a cara de nojo e ódio pra olhar de um jeito bem tosco pro cartaz e depois jogar um desprezo na face deles. Num é que eu quebrei a cabeça?

Era a propaganda da unimed Itapetininga com os bebês que nasceram esse ano la. A coisa mais CUTIE que eu ja vi. E os dois bobãos la olhando e babando pela criançada. Depois de uma dessa voltei pra minha casa pensando que a humanidade (ou o sexo masculino) ainda tem como se safar.

3 comentários:

Andrea Carolino disse...

Be, segundo minha mãe sou extremamente feminista. Essa de que todo homem é um FDP, para mim era um clássico, não tinha quem me tirasse isso da cabeça (depois de tantas decepções com esses indivíduos...).

Mas conheci alguns homens (mias precisamente dois) que me fizeram mudar UM POUCO essa visão. Digamos que nem todos homens são FDP, e sim 99,9% (basta termos a sorte de encontra-los perdido por aí).

=D

Flá disse...

HAIUHAiuhaIUa,nháááá,MTO FOFA essa história,mto,mto!!!!!=*

KAZINHA LACERDA disse...

viu?
o mundo ainda tem solução