domingo, 5 de outubro de 2008

Paraíso astral

Eba, ta chegando o mês de Outubro, época que há 21 anos atrás mamãe estava doida pra que eu saísse da barriga dela. Foi a época também que a Aninha teve a Mariana e a Marina, com uma diferença de cinco anos. Percebe-se que para uns é uma época de tristeza e para outros um motivo de comemoração. Então lá fui eu para mais uma festa de aniversário.

Eu adoro todo tipo de festa que tenha muita comida, bebida e alguns amigos pra prosear. Adoro festas de 15 anos, de casamento, aniversários de criança, comemorações de curso, formaturas. Confirmo que ontem eu estava como uma velha, mas os motivos são gripe. Alias, quais são as regras principais pra quem está gripado: ficar deitado, não beber nada alcoólico e a não sair na friagem. Eu fui pra rua, num resisti a deliciosa batida e depois ataquei a cerveja, e estava chovendo. O meu estado físico de hoje e a minha falta de voz antecipando que amanhã eu tenho apresentação de trabalho explica muito bem a noite de sábado.
Vi um ex bonitão ontem. Certos caras deveriam ser proibidos por lei de ficar feios. Outros eu tenho o gosto de dizer "Lero lero, agora eu não te pegava nem por duas pingas". Eu vi um desses ontem. Foi tão divertido, la pelo terceiro copo de cerveja, ver o cara dançando (e rebolando) animadamente estilo "minha cueca ta enfiada no rego", alem de ser o próprio tropeço no meio dos pivets.

Uma coisa eu reparei a respeito da música, acho que todo os DJ's seguem a cartilha do eletrodance (as músicas da Jovem Pan), depois o funk, ai vem umas cinco músicas de axé, ai cai nas "antigas" (mamonas e balão magico). A dos Mamonas é SEMPRE robocop gay, eles tem outras músicas tão legais, por que tem que ser sempre a mais batida? Sinceramente, se tocasse ABBA eu dançava. Pedi tantas vezes por Toca's miracle e nem veio pra mim.
Céus, eu amo bolo que tenha muito chocolate e pedaços de morango. I love brigadeiros. Amo salgadinhos fritos, acho perfeito comer eles frios. Do fundo do coração, a cena mais fofa da noite foi ver uma menininha de uns três anos, vestidinho de princesa azul correndo com a boneca da Monica em um sapato de salto alto roubado de alguem. Torcida pra que ela caisse no chão e abrisse o berreiro (... eu ja estava alterada neam).

O tempo todo a tia Ana me puxava pra dançar. Não é que eu não gosto de dançar é que alem da gripe eu estava incapacitada de fazer movimentos bruscos até o chão. Pra mim, dançar sem ser estilo Mulher fruta, não é dança. Mentira, eu não sei rebolar . Mas pra que dançar se tem cerveja e salgadinhos na mesa?

A pérola da noite foi durante o Parabens. Tudo de podre de um aniversáriante pode ser delatado durante esse momento meio constragedor. O da minha amiga foi feito por nós.
Coro: Com quem será que a Mariana vai casar. Vai depender se o...
Thaís: Fulano, o beltrano
Priscila: e o ciclano também...

Somos phenas . Happy Birthday Má! Não deu pra levar presente, mas isso aqui é o que deu pra fazer pra ti. O que você não pede chorando que eu não faço sorrindo neam!

2 comentários:

Fabíola Ariadne disse...

"Estilo 'minha cueca ta enfiada no rego'" incorporado ao meu vocabulário, hahaha. Menina vc é muito engraçada, eu queria ir a uma festa ctg. Ia torcer pelo tombo da criançada junto com vc, hahaha.Meninas más, mais mau que o pica-pau, não é não?

Priscila M.R. disse...

Oiii Fáaa
brigada...
Poxa meu aniversário é no final do mês
apareça em Tapetininga que vc ta convidada hê