quarta-feira, 30 de julho de 2008

REDAÇÂO

Ao conhecer uma pessoa, é provável se reparar inicialmente na maneira como ela se veste e comporta. Trata-se da primeira impressão, comummente dita como a que fica. Porém, nem tudo é o que parece.
Vê-se muitas pessoas fingindo algo que não é natural de sua personalidade. Alguns dizem que é um estereótipo imposto pela sociedade para que a pessoa consiga se relacionar bem com os outros ou adquirir melhores empregos.
Há também uma tendência em seguir um padrão de beleza, onde aqueles que não se enquadram são considerados "patinhos feios". A dependência pela estéticas leva muitas pessoas a esquecerem o que de fato elas são, ocorrendo uma inversão de valores.
Muitos dão importância demais a aparência do indivíduo, confundindo a imagem com a sua personalidade. Há pessoas agem apenas de acordo com o seu grupo social, utilizando apenas o senso comum e não analisando as informações.
O ideal é agradar a si mesmo, conciliando a moda e os ideais do grupo social aos seus próprios pensamentos. O conhecimento de si mesmo, o respeito pelos seus limites e os valores adquiridos é uma forma de buscar um espaço na sociedade sem trair os próprios conceitos.

2 comentários:

Priscila M.R. disse...

Ficou uma bosta EU SEI!
não sou boa em redações e faz meses que nao faço uma
(a última foi pra prova da unesp que valia 50 e tirei miseros 32,5).
Quem quiser ser absurdamente gente fina e corrigir... please leve em conta como uma correção em termos e não exatamente a IDÉIA proposta (se é "certo" pensar assim ou nao)

Mariana disse...

Pri!
É verdade, as pessoas costumam julgar as outras pela aparência,principalmente qd nao conhecemos.
Gostei do seu text ^^