quinta-feira, 22 de maio de 2008

Malboro Light

Droga... eu sou perita em queimar meu filme (pra variar). Mas vai aqui minha maior revelação. Sim gente eu não sou fumante, mas fumo. Agora vem o "Como assim Pri?".

Acontece que vivo numa relação de amor e ódio com essa bagaça. Não suporto que fumem do meu lado, odeio o cheiro do cigarro, acho que a industria do tabaco é a mega felha da pota (perdendo so pra de armas) ao ponto de criar um papel que queima sozinha so pro estimulo de fumar mais. Sou mega consciente que o cigarro detona os alvéolos (e por isso o pulmão preto) e impede que o oxigênio chegue as células, que fode a vida e o orçamento, e blá blá blá wiskas sachê.

Só que quando eu bebo ( não sempre... deixaremos claro) eu acabo "filando" um cigarro alheio. Da pra contar nos dedos de uma mão só quantas vezes COMPREI cigarro, e creio que nenhuma delas eu fumei tudo que tinha na caixa. Normalmente sou uma boa samaritana (o_O), acabo distribuindo pra todo mundo só pra não fumar.

Outra coisa. Em dias normais eu não ponho cigarro na boca. Fico com tontura e enjôo, me dá mal estar. Parece que eu comi algo estragado e fico dopada. Aquelas dopadas de labirintite, que o mundo gira totalmente sem noção, não pode comer (falo isso porque eu tenho).

Por que eu fumo? Ah é. NÃO SEI. Eu so fumo quando eu bebo, ou quando quero beber muito ou ... sei la. Mas acho estranho como o fumante é realmente discriminado e tals. Eu digo isso porque eu discrimino também. Não quero ficar perto de alguem que "fede".

Creio que nunca fumei pra ser alguem do grupo ou pra parecer descolada. É algo que não me agrada, mas que me sinto atraida pra fazer. Talvez seja mais uma das minhas formas de "espanta tubarão", aquelas velhinhas bem chatas com cara de neurótica e malvada. Momento Greta Garbo.

Ja reparei que meninos não fumantes não chegam DE JEITO nenhum em meninas fumantes, mesmo que essas sejam as que eles estão interessadas. Agora meninas normalmente "superam" isso, mania besta de achar que vai mudar o cara. Concordo que beijar fumante é semelhante a beijar cinzeiro (e como concordo).

Só digo que isso é engraçado. Tentar afastar as pessoas com cigarro. Só chega perto de você quem realmente está afim de superar umas fumaças pra te conhecer. Ou so chega perto de você alguem que ... queira fogo. Método de afastar gente "boazinha".

A minha maior diva ever, a Audrey, fez mega sucesso com cigarro na mão. Talvez caia bem em algumas pessoas, estilo e tals. Ok Ok é feio uma enfermeira dizer isso, mas... quem nunca se imaginou com um cigarrinho (nem que seja de chocolate) na mão? e isso é crime?

Repetindo mais uma vez. Não sou fumante. Algo que acontece uma vez por mês e nem todos eles. Mas custa de vez enquando tentar viver um outro papel? Diferente da sua realidade. Algo como se você fizesse o certo durante um mês todo, mas parece ser uma "Bad Girl" com algo na sua mão. O errado de alguma forma te atrai.

Ah... Malboro Light?... única marca que vira pra mim. O resto é muito forte, de pedreiro... aiii... não me prendo nem a vício.

3 comentários:

Bruno disse...

Engraçado que quando eu fumo o cheiro não me incomoda, mas quando alguém fuma perto de mim é uma merda, hehehehe. Também sou um pseudo-fumante, uma vez por mês e olhe lá, mas até o marlboro pra mim é forte. Só tolero o free light.

Priscila M.R. disse...

ALGUEM QUE ME ENTEEEENDE!
é isso ae... rs

Jackie Götzen disse...

Eu tabém odeio! e acho puta mega charme! Eu realmente só finjo e todos sabem com o cigarro na boa! Mas acho super mega elegante meu amore com seu Carlton Creme, e o copo de Whisky...vai entender....