sábado, 22 de março de 2008

Piaf - Um hino ao Amor


Non! Rien de rien,
Non! Je ne regrette rien
.Ni le bien, qu'on m'a fait,
Ni le mal, tout ça m'est bien égal!




Não pude ver no cinema, nem passou no daqui, mas chegou rápido nas locadoras. Não sou crítica de cinema, nem nada, apenas gostei do filme. O sotaque francês transforma palavrão em poesia pros meus ouvidos. Nossa como a voz dela era linda, e que história de vida. Eu chorei com o final, por motivos óbvios "Marcelle... Marcelle".

Assisti o filme com meu pai, alias ótima companhia e que ainda sabe falar o idioma, mas ensinar a filha que é bom nada. Sempre fico apreensiva se vai aparecer alguma cena de secho, digamos que é contrangedor³ com seu véio do lado (olhares pra cima, pra baixo). Ainda bem que neste filme só rolou uma tetinha de uma traveco e bem la no inicio.
Fiquei com uma dúvida. Será que a verdadeira Edith Piaf seria tão feia como ela foi retratada? Meu pai disse que não, ele ja era grandinho quando ela morreu e lembra dela de filmes (não façam contas por favor).


Joguei no google e a mulher não era feia não. Achei que a Marion Cotillard que devia ser meio mocréinha. So tinha visto a foto dela de relance no Oscar e até confundi com a Mônica Belluci (França e Itália tudo mesma coisa).

Mero engano, a atriz é mó lindona. Meu queixo foi pro chão. Nem em três encarnações eu sou páreo pra falar dela. Achei essa foto tão lindinha, olha que vestidinho mais fofo.



Mas não entendo, por que enfeiaram TANTO a mulé? E isso eu to falando até em fases que ela ta "bonita". Ta certo que a maioria das cenas era quando ela tava pobre, drogada ou doente, mas mesmo assim, não mostraram cenas da época que ela fez filmes. Pontos pra ganhar o Oscar? Duvideodó, Cotillard tem muito gabarito pra isso, ganhava facin-facin, ótima atriz. Coisas do cinema que não entenderei jamáaas...

Um comentário:

Felipe Pipoko disse...

Você consegue fazer um comentário sobre um filme em algo divertido de ler! Vc é incrível!