domingo, 6 de janeiro de 2008

São Miguel Arcanjo

Terra que meu pai nasceu e onde alguns primos moram. Senti uma necessidade enorme de viajar e encontrar minha amiga que não via faz tempo e minha prima que acabou de ter dois bebês. Tomei um choque ao saber que a minha amiga está grávida. Levei quase três anos para revê-la, acho que ainda não caiu a ficha. Cheguei na casa dos meus primos e outro susto, um dos bebês (o menininho) saiu da UTI (graças), só esperamos a irmã dele sair também.

Foi bacana que revi muita gente que perdi contato. Conheci um povo legal, joguei muito bilhar com um povo "profissa". Levei um BOLO, menino desesperado me manda mensagem e mil ligações e ainda me da um bolo. Mereço.

SMA nunca muda, o povo se concentra na praça. Na casa do meu primo rolava uma "festinha", o povo jogava dados. Nossa, só caia numeros iguais (ai se fosse assim no War também) e junto vinha o vinho ( :P ).

Conversei muito com os meus primos e comi sushi (adoro). Mais uma comidinha pro meu repertório de jantares psicodélicos.

No dia seguinte não deu pra fazer muita coisa, foi mais ajudar a tia e conversar com os amigos. Legal foi rever um amigo. Conversamos bem pouco mas fluiu super bem. Parece que ele não mudou em nada em relação a personalidade. Isso é bom, ver quando a vida das pessoas mudam completamente pro bem e no final a gente se reencontra.

Quero entender porque passo tão mal em ônibus. Baixa a pressão tão rápido. todo mundo olha pra mim e fala depressa"faz isso, faz aquilo" só pra eu melhorar. Dramin por que não me acompanhais?

Um comentário:

evao do caminhao disse...

deve ser super legal retornar assim, conhecendo a geral

mostra fotos!!!