sábado, 22 de setembro de 2007

Televisão

Acho dificil achar alguém da minha idade que assistia "plantão médico" quando passava na Globo. Era na época em que o George Clooney* se tornou sensação nos EUA. Foi o primeiro seriado que assisti e olha que era bem pequeninha. Minto, o primeiro foi Punky - a levada da breca.

Quando meu pai instalou a tv a cabo em casa (na época da Horizon), acompanhei a série na Sony, e depois na Warner. Era apaixonada pelo Doctor Carter (foto). O que ele tinha de atrapalhado, tinha de fofo e de bom coração. O programa realmente inspirou muita gente a ver o lado bonito da medicina, a dedicação e o amor. Deu pra ver que o sistema de saúde de nenhum país é perfeito também (mas o do Brasil é uma calamidade).

A série era ótima... era. Agora é um show de horrores. Da até medo de ir pros States, vai que eu estou andando na rua e de repente um helicoptero cai na minha cabeça. E se eu tenho uma parada cardiaca ... serei obrigada a escutar "Clear"? Gente... virou um programa besta. Não sei como deixaram ficar 14 anos no ar! Realmente tomara que acabe. A época boa a Warner nem reprisa.

Ai vem Grey's Anathomy, um show mais light com histórias tristes mas ao mesmo tempo de pessoas companheiras e bem mais sensível. Ta certo, todo mundo transa com todo mundo (o que é realmente engraçado). Mas tudo tão próximo do público. Eu realmente chorei (e muito) quando a Izzie perdeu o Danny, sempre paguei pau pro McDreamy (até quando ele era o nerd do filme), ja quis bater muito na Meredith com suas crises de "adultolescentes", amo a "NAZI" Bailey e dou muita risada com o George O'Malley (o que foi aquela transa com a Grey?).

Acho que é isso. Novela, seriado, filme. Alguns detestam, mas eu adoro assumir que boa parte das minhas fantasias (e minha vida) foram baseadas nesses momentos de alegrias inspirados em outros. A dor vizinha nos faz lembrar que ainda estamos vivos (pra dizer "Ainda bem que não foi comigo).rs

p.s: Outra série médica MUITO LEGAL é House (ou Doutor House). Passa na Record nas quintas e na Universal nas segundas (eu acho). O cara é extremamente neurótico e arrogante, mas é um profissional tão competente e esperto que todos são obrigados a "suportá-lo".

Nenhum comentário: